Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

loading...

A macabra Ilha das Bonecas

Parece cenário de filme de terror, mas não é. Na região rural de Xochimilco, ao sul da Cidade do México, existe um local onde as árvores estão cheias de bonecas penduradas. O lugar ficou conhecido como Isla de las Muñecas (“Ilha das Bonecas”).

O local é assim desde 1952, quando Julián Santa Ana Barrera, que tinha mulher e filhos, decidiu morar sozinho ali. Achou que a região estava assombrada pela alma de uma garota que tinha se afogado nos canais em frente à sua casa. Ele viu uma boneca flutuando na água e a pendurou em uma árvore, pensando que aquilo espantaria o mal e, ao mesmo tempo, deixaria o espírito da menina contente.

Desde então, o Barrera transformou a ilhota em uma espécie de santuário. Colocava nas árvores todas as bonecas descartadas que encontrava nos canais ou no lixo. Por esse motivo, algumas delas estão danificadas, com partes faltando – o que só aumenta o ar macabro. Habitantes das regiões próximas também davam brinquedos em troca de alimentos que Barrera cultivava em sua horta.

Para chegar lá, é preciso usar uma espécie de gôndola chamada trajinera. Parentes do camponês tomam conta do local, que chega a receber de 20 a 50 visitantes por dia. As histórias dizem que, em 2001, Julián Barrera teve um ataque do coração e caiu na água no exato local onde a menina desconhecida tinha se afogado quase 50 anos antes.
Assista ao vídeo:
Fonte: É Curioso

0 comentários :

Postar um comentário